Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

Integrantes

 
Gildo Magalhães dos Santos Filho Possui graduação em Engenharia Eletrônica pela Universidade de São Paulo (1972) e doutorado em História Social pela Universidade de São Paulo (1994). Atualmente é professor associado rdidp da Universidade de São Paulo, pesquisador da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa e colaborador da Associação Brasileira de Normas Técnicas. Tem experiência na área de História, com ênfase em História das Ciências e da Tecnologia, atuando principalmente nos seguintes temas: história da ciência e da tecnologia no Brasil, epistemologia, divulgação científica e política científico-tecnológica.
Alexandre Ricardi Mestrando em História Social pela Universidade de São Paulo, contando com apoio da Fapesp (bolsista MS-I). Possui bacharelado e licenciatura em História pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo.  Tem experiência em pesquisa, atuando principalmente nos seguintes temas: história da Primeira República; história da Ciência e da Técnica; história de São Paulo e história de empresas. Atuou na Mameluco Edições e Produções como pesquisador, desenvolvendo coleta, catalogação e digitalização de documentos e colaboração na construção de sites e banco de dados, além da sua área editorial.
Danielle Rodrigues Amaro Danielle Rodrigues Amaro é graduada em História da Arte (licenciatura e bacharelado) pela UERJ (2002-2007) e Mestre em Artes pela Unicamp (2008-2010), defendendo dissertação sobre a tese do fim da história da arte de Hans Belting e a recepção desta no contexto acadêmico brasileiro. Doutoranda em História Social pela USP (2013-) com o projeto de pesquisa “História da Arte no Brasil: lugar e cientificidade”;. Desde 2004, trabalha em educativos de museus de arte e história. Nascida em Niterói (RJ), hoje vive, estuda e trabalha em São Paulo, onde desde 2010 atua como educadora no Programa de Inclusão Sociocultural do Núcleo de Ação Educativa da Pinacoteca do Estado de São Paulo.
Germana Barata É licenciada e bacharel em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Campinas, mestre e doutora em História Social pela Universidade de São Paulo. Segue a carreira de pesquisador (Pq-C) na UNICAMP. É editora das revistas Ciência & Cultura e ComCiência, ambas publicadas pela Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). Recebeu o Junior Award on Public Communication on Science and Tecnology em 2006. Atua, principalmente, com os temas: periódicos científicos, jornalismo científico e história da ciência, com enfoque na comunicação da ciência.
Gisela Tolaine Gisela Tolaine Massetto de Aquino. Historiadora. Mestre em História Social pela FFLCH-USP. Graduada em História e Pedagogia pela USP. Atua como professora de História do Ensino Médio e Coordenadora de Humanidades em escola da região do ABC paulista. Presta serviço de consultoria e pesquisa na área de História na empresa Tempo e Memória. Faz parte do grupo de pesquisa em História Ciência e Tecnologia na Faculdade de História da FFLCH-USP.
Lívia Maria Botin Possui mestrado em História Social da Cultura (2007) e Pós-Graduação Lato Sensu em Jornalismo Científico (2009), ambos pela Universidade Estadual de Campinas, Unicamp. É professora do ensino médio e editora de livros didáticos em história. Suas áreas de interesse compreendem: história e divulgação da ciência e tecnologia, comunicação e televisão pública.  Atualmente é doutoranda pelo programa de História Social da Universidade de São Paulo, onde desenvolve pesquisa sobre popularização e divulgação da ciência pelo estudo e análise das entrevistas e/ou debates do programa Roda Viva, transmitido pela Tv Cultura.
Marcelo  Squinca da Silva Possui graduação em História pela Universidade de São Paulo (1993), mestrado em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2003) e doutorado em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2009). Atualmente é professor convidado da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e professor da Universidade Cidade de São Paulo. Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil, atuando principalmente nos seguintes temas: energia elétrica, Eletrobrás, segundo governo Getúlio Vargas, Governo Juscelino Kubischeck e Brasil-história- 1964/85. Atualmente desenvolve pesquisa de Pós-doutorado pelo Departamento de História da Universidade de São Paulo. É autor do livro Energia Elétrica: Estatização e desenvolvimento, 1956-1967.
Márcia Dias Silva Graduada em História e Mestre em História Social pela Universidade de São Paulo. Atuou como Técnica em Química em diferentes empresas do ramo (1999 – 2006).  Prestou consultoria em projetos de Memória Empresarial em empresas como a Natura, Whirlpool, Toyota, Embraer entre outras pela Memória & Identidade (2006 – 2009). Atualmente é Professora de História na Prefeitura de São Paulo, consultora da Ecoplan, para qual  realiza oficinas sobre práticas de ensino e uso de tecnologias para escolas estaduais de São Paulo e componente do Grupo de Pesquisa da USP/CNPQ sobre Idéias de Progresso.

 
Renato Diniz Historiador, eletrotécnico, professor de história entre 1980 e 1987 (rede estadual de ensino, Escola de Aplicação da USP, Faculdades Ibirapuera), pesquisador do Departamento de Patrimônio Histórico da Eletropaulo (1987/1998), coordenador editorial da Revista Memória Eletropaulo/Energia (1995/98), secretário executivo do Grupo de Trabalho sobre preservação do acervo histórico das empresas energéticas vinculadas à Secretaria de Estado de Energia/SP (1997), Superintendente de Gestão Técnica/Diretor Técnico da Fundação Patrimônio Histórico da Energia de São Paulo de março de 1998 a março de 2003. De abril de 2003 a janeiro de 2004 consultor da mesma Fundação, da Zanettini Arqueologia e da empresa Memória & Identidade, onde desenvolveu o projeto de implantação do Centro de Documentação e Memória Camargo Corrêa - CDMCC. Desde fevereiro de 2004 é Coordenador do CDMCC. Na Universidade de São Paulo defendeu Tese de Doutorado em História da Ciência na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (A Intervenção Estatal no Setor Elétrico Paulista: As Grandes Empresas e as Grandes Usinas – 1953/1997), em junho de 2011.
Renato Matsui Pisciotta Possui graduação em Direito pela Universidade de São Paulo (1998), graduação em Licenciatura em História pela Universidade de São Paulo (1995), graduação em História pela Universidade de São Paulo (1993) e mestrado em História Social pela Universidade de São Paulo (2006). Atualmente é professor da Faculdade Bandeirantes Suzano. Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil Colônia
Rubens A. Menezes Souza Fº Mestre pela Universidade de São Paulo (História Social - 2006). É professor da FATEC de Carapicuíba desde 2006. Suas principais áreas de interesse compreendem: sistemas operacionais, software livre, desenvolvimento tecnológico, patentes, direito autoral, propriedade de idéias e o estudo das ideologias motrizes do desenvolvimento tecnológico. Desenvolve pesquisas na área de CTS (Ciência, Tecnologia e Sociedade) e projeta e implementa soluções para sistemas de informação on-line. Atualmente é doutorando pelo programa de História Social da Universidade de São Paulo, onde desenvolve pesquisa sobre a propriedade de bens imateriais.
Télio Cravo Possui graduação em Licenciatura em História pela Universidade Federal de Minas Gerais (2008), graduação em Bacharelado em História pela Universidade Federal de Minas Gerais (2009). Atualmente desenvolve o mestrado em História Social pela Universidade de São Paulo. Tem interesse pelos seguintes temas: Engenharia, infra-estrutura viária, Minas Gerais, Ciência, Brasil Império.
     
     
     
     
 

.

AnexoTamanho
IMG_2059.JPG1.79 MB